Gestão de Fornecedores: 5 Dicas para Fechar Negócio no Comércio!

Gestão De Fornecedores No Comércio Confira 5 Dicas Para Fechar Bons Negócios - Contabilidade para Empresas em São Paulo | Fênix Contábil

Compartilhe nas redes!

Gestão de Fornecedores no comércio: Confira 5 dicas para fechar negócios!

Otimize a sua abordagem de gestão de fornecedores no comércio. Esteja preparado para fechar negócios vantajosos!

A gestão de fornecedores é uma atividade essencial para qualquer empresa que depende de insumos. Seja de produtos ou serviços de terceiros para realizar suas operações. 

No comércio, essa gestão é ainda mais importante, pois envolve a qualidade, o preço, o prazo e a disponibilidade dos produtos.

Sendo assim, uma boa gestão de fornecedores pode trazer diversos benefícios para o comércio, melhorando a satisfação dos clientes e otimizando os processos internos.

Para você conquistar essa meta, separamos 5 dicas essenciais para garantir uma gestão de fornecedores eficiente. 

Acompanhe!

Leia também:

1. Defina os critérios de seleção na gestão de fornecedores

O primeiro passo para uma boa gestão de fornecedores é definir os critérios que serão usados para selecionar os parceiros.

Esses critérios devem estar alinhados aos objetivos e às necessidades do seu negócio.

E até mesmo, com relação às expectativas dos seus clientes.

Alguns exemplos de critérios são:

  • Qualidade: o fornecedor deve oferecer produtos ou serviços que atendam aos padrões de qualidade exigidos pelo seu comércio;
  • Preço: é preciso oferecer preços competitivos e condizentes com o valor agregado dos produtos ou serviços;
  • Prazo: deve-se cumprir os prazos de entrega acordados e ter flexibilidade para atender às demandas emergenciais;
  • Disponibilidade: o fornecedor deve ter capacidade produtiva e estoque suficientes para suprir as necessidades do seu comércio;
  • Confiabilidade: deve ter credibilidade no mercado, cumprir os contratos estabelecidos e ter uma boa reputação entre os seus clientes;
  • Inovação: o fornecedor deve estar atualizado com as tendências do mercado e oferecer produtos ou serviços diferenciados.

2. Pesquise o mercado

Após definir os critérios de seleção, é hora de pesquisar o mercado. Mediante a isso, identificamos os possíveis fornecedores que se encaixam no perfil desejado. 

Para isso, é preciso usar diversas fontes de informação. 

Bem como, estar atento às indicações, por meio de outros comerciantes, clientes ou parceiros que já trabalham com determinados fornecedores;

Além disso, buscar informações sobre os fornecedores em: 

  • Sites oficiais;
  • Redes sociais;
  • Portais especializados;
  • Mecanismos de busca.

Outra questão importante é participar de feiras e eventos do seu segmento.

Assim, é possível conhecer pessoalmente os fornecedores.

Por último, é sempre relevante consultar catálogos e revistas do seu setor, a fim de verificar as ofertas e as novidades.

3. Faça uma cotação

Depois de pesquisar o mercado e selecionar os fornecedores que mais te interessam, é preciso fazer uma cotação. Tal cotação, ajudará a comparar as propostas e escolher a melhor opção. 

Esse documento deve conter as informações sobre os produtos ou serviços solicitados pelo comércio. Uma delas é a descrição, a qual necessita ter as seguintes informações:

  • Nome;
  • Marca;
  • Modelo;
  • Especificações técnicas;
  • Características dos produtos ou serviços.

Além disso, é preciso se atentar à quantidade mínima e máxima que o comércio pretende comprar ou contratar.

Outras questões como preço, prazo, forma de pagamento e garantia, também devem manter a atenção na gestão de fornecedores.

Sendo assim, os gestores podem considerar:

  • Preço: o valor unitário e total dos produtos ou serviços, incluindo os impostos, as taxas e os descontos;
  • Prazo: o tempo estimado para a entrega ou a prestação dos produtos ou serviços, considerando a data de solicitação e a data de recebimento;
  • Forma de pagamento: as condições de pagamento dos produtos ou serviços, como o prazo, a forma, o meio e a moeda;
  • Garantia: o período e as condições de garantia dos produtos ou serviços, em caso de defeitos, danos ou insatisfação.

Em suma, o ideal é fazer a cotação com pelo menos três fornecedores diferentes. À vista disso, o gestor conseguirá ter uma base de comparação mais ampla.

4. Negocie os termos na gestão de fornecedores

Após receber as cotações dos fornecedores, é preciso analisar as propostas e negociar os termos que mais te beneficiam. 

Desse modo, a negociação é uma etapa importante para fechar bons negócios com seus fornecedores.

Isso porque, mediante a negociação, é possível melhorar condições de qualidade, preço, prazo, disponibilidade, entre outros.

Para negociar com sucesso, você deve:

  • Ter clareza sobre os seus objetivos e limites;
  • Conhecer bem o seu mercado e o seu fornecedor;
  • Ser flexível e buscar soluções ganha-ganha;
  • Ser cordial e respeitoso;
  • Ser assertivo e transparente;
  • Documentar tudo o que foi acordado.

5. Formalize o contrato

Depois de negociar os termos com o fornecedor escolhido, é preciso formalizar o contrato que irá orientar a relação comercial entre as partes. 

Para contextualizar, o contrato é um documento jurídico que estabelece os direitos e deveres de cada um.

Bem como as penalidades em caso de descumprimento.

Portanto, o contrato deve conter todas as informações relevantes sobre os produtos ou serviços contratados, como:

  • Identificação: os dados cadastrais das partes envolvidas, como nome, endereço, CNPJ ou CPF;
  • Objeto: a descrição detalhada dos produtos ou serviços contratados, incluindo as especificações técnicas e as características;
  • Quantidade: a quantidade exata ou estimada dos produtos ou serviços contratados;
  • Preço: o valor unitário e total dos produtos ou serviços contratados, incluindo os impostos, as taxas e os descontos;
  • Forma de pagamento: as condições de pagamento dos produtos ou serviços contratados, como o prazo, a forma, o meio e a moeda;
  • Rescisão: as hipóteses e as formas de rescisão do contrato por parte de qualquer uma das partes, bem como as indenizações cabíveis.

Em síntese, o contrato deve ser assinado por ambas as partes e por duas testemunhas. 

Além disso, deve ser registrado em cartório para ter validade legal.

Qual profissional pode me ajudar na gestão de fornecedores?

Para garantir uma gestão de fornecedores eficiente, e evitar problemas, é importante contar com profissionais especialistas. 

A Fênix Assessoria Contábil, é uma empresa que conta com diversos serviços que podem garantir um suporte eficiente para comércios.

Para adquirir esse auxílio, entre em contato agora mesmo!

QUERO TER UMA GESTÃO DE FORNECEDORES!

5/5 - (2 votes)
Summary
Gestão de Fornecedores: 5 Dicas para Fechar Negócio no Comércio!
Article Name
Gestão de Fornecedores: 5 Dicas para Fechar Negócio no Comércio!
Description
Aprenda a aprimorar a sua gestão de fornecedores no comércio com 5 estratégias eficazes. Feche negócios de forma bem-sucedida e garanta o sucesso da sua empresa!
Author
Publisher Name
Fênix Contábil
Publisher Logo

Compartilhe nas redes:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Posts Relacionados

Maximize Lucros Com Gestão De Estoque Eficiente Estratégias Essenciais Para Comerciantes - Contabilidade para Empresas em São Paulo | Fênix Contábil

Otimize a gestão de estoque do seu comércio com nossas dicas

Maximize lucros com gestão de estoque eficiente: estratégias essenciais para comerciantes Descubra como aprimorar sua gestão de estoque e parar de perder dinheiro desnecessariamente no seu comércio No mundo do comércio, uma gestão de estoque eficaz é fundamental para o

Domine Seus OrÇamentos Estrategias Para O Sucesso Financeiro (1) - Contabilidade para Empresas em São Paulo | Fênix Contábil

Domine seus orçamentos: estratégias para o sucesso financeiro

A verdadeira razão pela qual os orçamentos falham em muitas empresas, e como você pode garantir o sucesso Descubra os segredos para evitar falhas nos orçamentos empresariais e impulsionar o sucesso da sua empresa! Orçamento empresarial é frequentemente a espinha

Recomendado só para você
Elisão fiscal e economia: saiba como é possível obter na…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top

Atenção, contribuinte!

O prazo para a entrega da declaração do IRPF 2024 é até o dia 31 de maio. Não deixe para a última hora e evite multas.

Se você tem dúvidas sobre como declarar o seu Imposto de Renda, entre em contato com os nossos especialistas pelo número (11) 97760-8761 ou pelo número (11) 97760-8798. Eles estão prontos para orientar você e facilitar a sua vida.

Não perca tempo e faça já a sua declaração com segurança e tranquilidade.